Pesquisar este blog

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

TPM - Você sabia que ela é uma Dádiva?!


A maioria das mulheres, sofre do mal chamado de TPM - Tensão Pré Menstrual. Você já parou para refletir no porque de tantas alterações? E até que ponto seus sintomas são Naturais?
Nos acostumamos a achar normal o terrível período do mês onde há uma gangorra emocional e física. Onde as mulheres passam pelos mais variados sintomas dentro dos quadros de dores no corpo, enjoo, insônia, sonolência, cólicas, inchaço, instabilidade emocional, onde podemos oscilar em agressividade e irritabilidade, choro fácil e depressão, cobranças, reclamações e insatisfações consigo e com os outros... É uma lista quase sem fim!!! 

Mas será que o que é NORMAL, é o NATURAL?
Normal vem de Norma, o que não é uma coisa nata, da Na-tu-re-za...

Algumas linhas de conhecimento apontam as cólicas e dores no corpo como uma não aceitação da feminilidade. O que não deixa de ser verdade! Porém, vou adiante e digo: um leve desconforto físico nos dias que antecedem a menstruação, e uma leve cólica durante o primeiro dia da menstruação, é NATURAL! É um momento de mudança e limpeza do corpo. 

Agora, qualquer dor que seja mais incômoda, persistente e incapacitante, bem... Existem algumas formas de retirada da energia vital do nosso corpo por seres que podemos chamar resumidamente de vampirizadores. Assunto para um outro post, mas de antemão eu digo: não aceite esse sofrimento, peça proteção, mexa o corpo, se alongue, faça movimentos sinuosos do quadril para aliviar, utilize um bom óleo essencial no ventre como a lavanda, tome chás calmantes, mantenha-se aquecida, resguarde-se fisicamente!

Sobre a instabilidade emocional, a tpm período só exacerba os sentimentos pelos quais estamos passando no momento. Então se estamos angustiadas com algo, a tendencia é ficar muito mais angustiada. Se tem algo no nosso corpo que não gostamos, vamos gostar menos ainda, aqueles quilinhos, ou até algumas gramas que precisamos perder, vão se tornar toneladas! Rs. Ou seja, é preciso observar com atenção os sintomas, e compreender o que precisamos mudar ou simplesmente aceitar.

Essa observação deve ser feita em todos os sintomas que nos são comuns. Existem alguns aplicativos bem úteis onde podemos anotar e acompanhar o ciclo, inclusive anotando os sintomas. Esse estudo por algum período, é importante! Pois passamos a nos conhecer melhor, a ouvir mais o coração, os pensamentos, e o corpo.

Então se percebemos que temos dores nos pés, nesse período cuidamos mais deles, fazemos uma boa massagem, um escalda pés relaxante, colocamos eles para cima, o que nos fizer se sentir melhor!
Se ficamos mal humoradas, que a gente aprenda a avisar aos familiares e amigos, de uma forma clara e suave, que estamos sensíveis e é melhor tomar cuidado! Rs. Para isso é preciso observar quando o mal humor começa a tomar conta, então se afaste, perceba de onde ele vem, o que lá dentro está realmente incomodando... 

Mas tá! A TPM só serve para testar nossa paciência todo mês? Só porque a mulher tem tantas habilidades maravilhosas ela tem que pagar imposto mensal??? Humm... Não. Mas isso acontece porque fomos ao longo dos séculos, deixando isso acontecer. 
A menstruação segue o ciclo natural. E nós, cada vez mais afastadas da Natureza, do seu tempo de acontecer, do seu resguardo e calmaria, da intensidade no momento exato, ficamos assim, instáveis e desarmoniosas. Nos tornamos mulheres que se afastam do feminino, que se esquecem da importância do zelo consigo, com o esposo, com o lar, com os filhos... Mas a natureza nos cobra.



A chave é: Quando a mulher conquista o seu equilíbrio pleno, a TPM é uma poderosa ferramenta de transformação. Ciclos são encerrados e iniciados a cada 21 dias, e os outros 7 dias que fecham os 28 dias do calendário lunar, são o momento mais precioso, onde o corpo começa a fazer sua renovação, reequilíbrio e preparo para mais um ciclo

Esse momento é uma dádiva da natureza feminina em que, quando estamos em equilíbrio, temos nas mãos o poder de se colocar em ordem, dar bronca em si mesma, dar bronca no marido, resolver aquela situação pendente com algum desafeto, reorganizar a casa, a rotina, a dieta... 

Entendem a preciosidade desse momento????????? 



Porém quando não buscamos nos conhecer, saber os nossos limites, ter auto controle para não criar uma guerra por motivos banais, aí bem, a TPM vai ser apenas um período de terrorismo para nós e para quem nos rodeia, onde tudo é ruim e sempre será, onde as dores são paralisantes, apenas para mostrar a nossa falta de coragem para lutar pela saúde plena que nos é um direto. 

É uma escolha nossa. Podemos negar a nossa feminilidade, podemos nos entupir de remédios para dor ou depressão, mas todas as toxinas continuarão dentro de nós. Sejam substâncias tóxicas ingeridas numa alimentação ruim, ou pensamentos e sentimentos tóxicos alimentados pela falta da auto-observação e equilíbrio. 

O que você escolhe?









2 comentários:

  1. Ameeei seu blog!! Por favor não pare de escrever! Vc dá aula, palestra, etc? Alguma rede social que eu possa te encontrar? Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Não vou parar de escrever não! Rs Só demoro um pouquinho as vezes! Interrompi as aulas, mas logo que retornar aviso. Entre em contato! =) Tem a página do Facebook: Dança do Ventre Egípcia Sacerdotal, e o instagram, com os textos em ingles: Egyptian Sacerdotal Belly Dance. Beijos

      Excluir